Centro BenQ Knowledge

Como usar efetivamente um monitor para melhorar a eficiência do trabalho?

BenQ
2018/06/30

Embora a renderização de cores, a resolução e a gestão de cores sejam fatores chave num monitor profissional, o retoque e a pós-edição podem ser mais convenientes e eficientes se esses fatores forem auxiliados por designs ou funções fáceis de usar. Por exemplo, alguns dos monitores profissionais mais recentes suportam modos de duas gamas ou preto e branco, alguns modelos apresentam controlos de monitor revolucionados e alguns têm capas como acessórios. No entanto, esses recursos podem realmente melhorar a eficiência do trabalho? A resposta está neste artigo.

Todos nós sabemos que os espaços de cor mais comuns utilizados pelos fotógrafos são Adobe RGB e sRGB. Como o Adobe RGB abrange quase todo o espaço de cores CMYK aplicado na impressão comercial, a compatibilidade do Adobe RGB é o principal fator para os fotógrafos ao escolher um monitor. Regra geral, para ser capaz de fornecer cores realistas, um monitor profissional deve, pelo menos, suportar 99% do espaço de cores Adobe RGB. Entretanto, a menos que a impressão ou a aplicação comercial sejam exigidas, a maioria de trabalhos fotográficos são partilhados com os amigos e a família num computador ou através da Internet. Para esse efeito, o espaço de cores sRGB pode satisfazer os fotógrafos. Para os fotógrafos que precisam de partilhar obras na Internet e imprimi-las, um monitor com GamutDuo permitirá a visualização simultânea dos seus trabalhos em Adobe RGB e sRGB com o impulso de uma tecla de atalho (e só quando a câmara estiver definida no modo Adobe RGB). Caso contrário, são obrigados a alterar manualmente o espaço de cores na publicação para comparar as suas fotos. A diferença na eficiência do trabalho dos dois processos é evidente. Para uma equipa ou um estúdio, a função GamutDuo permite procurar as obras de diferentes fotógrafos, permite que a equipa ou os clientes comparem fotos em diferentes espaços de cor e partilhem/imprimam as diferenças, facilitando assim as tarefas seguintes.

A função GamutDuo permite que os utilizadores visualizem simultaneamente os efeitos de uma foto em dois espaços de cores diferentes.

Além da funcionalidade de dois gamut, alguns monitores profissionais também suportam o modo preto e branco. Este modo é relativamente auto-explicativo, já que se trata de aplicar o efeito preto e branco. A principal função deste modo é apresentar fotos coloridas em preto e branco, permitindo que os utilizadores visualizem rapidamente as diferenças entre as versões a cores e a preto e branco de uma imagem antes da edição. Como muitos fotógrafos comerciais já perceberam, precisam de transmitir constantemente as suas expectativas em relação aos produtos finais durante uma sessão de fotos e, às vezes, até precisam de avaliar e discutir repetidamente as versões a cores e a preto e branco. No entanto, os sensores da câmara registam dados a cores. Os fotógrafos podem alternar livremente entre a versão a cores e a versão a preto e branco da foto no modo preto e branco, permitindo que os clientes visualizem rapidamente a fotografia em ambas as versões. Uma vez recebida a confirmação, o fotógrafo pode usar o software de pós-edição para converter a foto em escala de cinzentos. O modo preto e branco tem outra função surpreendente, que é a capacidade de tornar as fotos a preto e branco mais realistas. Geralmente, as fotos a preto e branco que são filmadas ou pés-editadas pelos fotógrafos parecem “planas” quando apresentadas num monitor a cores. Visualizá-las no modo preto e branco pode melhorar a trama das fotos.

A função preto e branco do monitor permite que os utilizadores visualizem fotos a cores e a preto e branco em tempo real, facilitando as tarefas seguintes.

A Gama Dinâmica Elevada (HDR) é uma expressão familiar no mundo da fotografia. Refere-se a tirar três fotos consecutivamente, uma sobre-exposta, uma com exposição normal e uma sub-exposta. As três fotos são depois sobrepostas para criar uma foto HDR. Sabia que agora os monitores também são equipados com HDR? Ao contrário do HDR na fotografia, o monitor HDR é uma nova especificação. Com as mais recentes tecnologias de compactação, o brilho e os tons do ecrã são efetuadas amostras completas para garantir que os detalhes claros e escuros de uma imagem sejam mantidos. Em comparação com a gama dinâmica padrão convencional (SDR), as cores e os efeitos apresentados pelos monitores HDR são mais naturais e realistas. A pós-edição em monitores profissionais com a funcionalidade HDR permite que os fotógrafos visualizem e editem imagens com mais detalhes e maximizem o potencial dos ficheiros RAW, aperfeiçoando a sua arte. No entanto, é importante notar que, embora os monitores de computador suportem efeitos HDR, alguns softwares, como o Adobe Photoshop e o Lightroom, não suportam atualmente ambientes de edição semelhantes. Portanto, a utilidade do modo HDR depende do software que estiver a ser usado.

Um monitor de computador com o modo HDR é capaz de apresentar fotos perfeitamente.

No passado, alterar as configurações de um monitor requeria que os utilizadores premissem os botões na parte inferior ou à direita do ecrã. Os utilizadores têm más experiências ao operar esses designs. Os botões geralmente são muito pequenos e difíceis de premir e têm de ser premidos repetidamente para se obter as configurações desejadas. Esses projetos não conseguem satisfazer padrões ergonómicos. Felizmente, esses designs foram aperfeiçoados em alguns monitores profissionais, oferecendo aos utilizadores controladores autónomos (disco de teclas de atalho) para a configuração rápida e conveniente dos seus monitores. Além disso, muitos botões personalizados são projetados nesses controladores, permitindo que os fotógrafos atribuam as suas funções preferidas, como GamutDuo, modo preto e branco, HDR ou outras configurações de OSD, melhorando consideravelmente a velocidade e a conveniência da pós-edição.

Controladores inteligentes não só permitem que os utilizadores operem convenientemente os seus monitores, como oferecem também botões personalizados para aumentar a eficiência.

Muitos utilizadores podem perguntar-se qual é o propósito de uma capa de monitor. A resposta é relativamente simples. Os monitores de smartphone e a câmara às vezes são difíceis de ver com luz forte. Este também é um problema para os monitores de computador. Embora o brilho possa não ser um problema tão grande para monitores como para smartphones e câmaras, os monitores podem, por coincidência, estar próximos de uma janela ou sob uma fonte de luz forte no local de trabalho ou no estúdio. Nestas situações, a luz ambiental pode afetar a seleção ou a edição de fotos. Alguns monitores profissionais estão equipados com uma capa destacável. Uma vez instalada, a capa não só reduz o brilho da iluminação ambiental, como também evita que fontes de luz fortes afetem as perceções e os julgamentos de classificação de cores dos fotógrafos, facilitando a saída de trabalhos profissionais com a máxima precisão de cores.

TOP